O que é um CTESP?

O Curso Técnico Superior de Especialização Profissional foi criado pela Direção Geral de Ensino Superior. Essencialmente:

 

Conservação e Talhe de Pedra

O curso é de cariz prático, com vista a fornecer as competências necessárias para poderes entrar e vingar no mercado de trabalho, numa área competitiva e com imensa procura.

  • Aptidões

    Usar as diversas técnicas de talhe da pedra, os diferentes tipos de rochas utilizados nos bens culturais móveis e integrados e as suas diversas aplicações

    Usar as ferramentas usadas nos levantamentos gráficos e no registo fotográfico do património arquitetónico e integrado

    Usar as ferramentas de gestão, administração, manutenção e segurança do espaço oficinal e do estaleiro

  • Saídas

    Quadros técnicos de empresas que intervêm na área da extração e talhe da pedra numa vertente tradicional e contemporânea Organizar projetos artísticos inovadores conciliando as técnicas tradicionais e contemporâneas (CNC) na produção de objetos em pedra;

    Profissionais envolvidos em projetos de valorização e dinamização cultural assentes nas técnicas de produção artística em função das realidades culturais do país.

  • Funções

    Elaborar relatórios de enquadramento da evolução técnica e meios de produção do talhe da pedra, de enquadramento das técnicas de talhe dos diferentes tipos de pedras utilizados no patrimó­nio arquitetónico e integrado, e de caracterização dos principais mecanismos de alteração das pedras que constituem o património arquitetónico e integrado;

    Elaborar levantamentos e identificação de danos no património arquitetónico e integrado;

    Elaborar registos gráficos e fotográficos dos bens cultu­rais móveis e integrados;

    Projetar elementos escultóricos aplicados à conservação e restauro e ao património arquitetónico sob orientação de um conservador-restaurador;

    Elaborar e desenvolver projetos de produção artística de forma autónoma;

Plano de Estudos

O plano de estudos está organizado em 4 semestres, em 2 anos.
As unidades curriculares com mais créditos ECTS são as mais importantes / possuem mais horas de aulas.

 

 

Ano Semestre Unidade Curricular ECTS
1 A Talhe de pedra 12
1
S Português 4
1 S Atelier de inovação e empreendedorismo 2
1 S Danos e patologias da pedra 4
1 S Desenho assitido por computador 4.5
1 S Desenho técnico 4
1 S Geologia de Portugal 6
1 S Inglês 4
1 S Introdução à conservação e restauro 4
1 S Métodos quantitativos 3
1 S Atelier de criatividade 2
1 S Química aplicada 4
1 S Topografia e Cartografia 4
2 S Estágio 30
2 S Gestão e segurança de obras e estaleiros 5
2 S Mineralogia e Petrologia gerais 6
2 S Projecto em conservação e talhe de pedra 6
2 S Prospecção e Georrecursos 6
2 S Técnicas de reprodução 3.5
2 S Técnicas e praticas de extracção e transformação de rocha 6

 

Vantagens

Estudar no IPT oferece algumas vantagens fabulosas. Conhece algumas:

  • 100% Empregabilidade

    Em Portugal e no resto do Mundo, os profissionais de IT são muito procurados

  • Estágio integrado

    A frequência de um CTESP inclui um estágio de 6 meses numa empresa na área tecnológica.

  • Próximo de casa

    Estudar próximo de casa permite manter-te próximo daqueles que mais gostas e ainda poupar dinheiro

  • Curso essencialmente Prático

    Os nossos cursos contem uma componente prática bastante elevada

  • Prosseguimento de Estudos

    Após concluires o teu CTESP podes prosseguir estudos numa das licenciaturas do IPT, com até 60 ECTS em equivalências

  • Bolsas, Residências, Alimentação

    O IPT confere apoios sociais para que possas frequentar o CTESP sem preocupações

Quem pode frequentar um CTESP?

Para frequentares um CTESP tens que cumprir pelo menos um dos seguintes critérios:

 

 

<

Que documentos é necessário para a candidatura?

Reúne os seguintes documentos:

 

 

Informações / Candidatura

Contacte-nos sem compromisso ou efetue a sua Candidatura.

 

De acordo com a lei em vigor, concordo que os meus dados pessoais sejam encaminhados por email para os Serviços Académicos do Instituto Politécnico de Tomar, para efeitos de pedidos de informação/contacto relativamente aos cursos do IPT, não registados ou processados para outros fins que não os aqui descritos.